Como sair do aluguel e comprar meu primeiro apartamento

Uma pessoa entregando uma chave para outra pessoa

Nada melhor que morar em um lugar aconchegante, do seu jeito, cuja decoração expressa a sua personalidade. Esse é um dos principais motivos para as pessoas saírem do aluguel e adquirirem um imóvel.

Afinal, não é nem um pouco motivador investir em algo que não faz parte do seu patrimônio e que ainda não gera retorno financeiro algum para você. A sensação é de que o dinheiro do aluguel poderia ser direcionado para um lar todo seu.

É por isso que estamos aqui: para contar para você como sair do aluguel com segurança e responsabilidade.

Faça uma planilha de custos

Para sair do aluguel, a primeira coisa a ser feita é ter controle dos gastos. Independentemente do seu orçamento, você nunca saberá o valor do imóvel compatível com seu bolso, se não administrar sua renda.

No computador ou no papel, registre os seus gastos fixos e os variáveis. Anote tudo, desde aquele cafezinho que você tomou perto da sua casa, até os gastos na padaria. Assim, você poderá administrar melhor seu dinheiro e, ainda, economizar.

Fizemos uma planilha de orçamento doméstico gratuita para facilitar sua vida financeira e ajudá-lo a dar o primeiro passo para conquistar o seu sonho.

Uma pessoa fazendo cálculos na calculadora e escrevendo no papel

Determine uma meta de investimento e a forma de pagamento

Para sair do aluguel, você precisa entender quando e como comprar um imóvel. Então, determine uma meta de investimento e comece a organizar suas finanças em prol desse objetivo.

Já sabe quanto pode investir? Tem dinheiro guardado para um valor de entrada? Então já está na hora de definir qual será a forma de pagamento: financiamento ou consórcio?

Neste blog post, Consórcio ou financiamento: qual escolher, tiramos as principais dúvidas acerca dessas modalidades mais utilizadas na compra de imóvel.

Saiba encontrar o lugar ideal

Um dos maiores empecilhos enfrentados por aqueles que querem sair do aluguel é encontrar um apartamento ou uma casa dentro das expectativas de compra.

Quando alugamos um imóvel, não nos atentamos tanto aos detalhes, mas, quando o assunto é comprar um bem com tamanho valor agregado, o cenário muda.

Então, conte com a ajuda de um corretor para isso. Primeiro, porque a compra de um imóvel é assunto sério, e a procedência do bem é fundamental. Neste e-book gratuito contamos como a imobiliária pode ajudar você a ter um imóvel.

Os requisitos que mais pesam na escolha do imóvel são (atente-se a eles!):

  • Valor: já inicie sua procura sabendo quanto pode pagar;
  • Localização: morar próximo a hospitais, avenidas principais, comércio, áreas de lazer, escolas e pontos de ônibus traz mais qualidade de vida a longo prazo para você e a sua família;
  • Condições do apartamento: considere se uma reforma será necessária. Em caso positivo, já calcule uma média de quanto terá que investir futuramente e reavalie se vale a pena;
  • Tamanho: pode ser que agora você more sozinho ou mesmo com seu parceiro. Mas, pretende aumentar a família? Recebe muitas visitas? Acredite: esse é um dos principais motivos para você aproveitar, ou não, seu imóvel por mais tempo.

Foto de cima de vários apartamentos

Ter seu lar, um bem de valor agregado em seu patrimônio, com a tranquilidade de saber que um dia pode vender seu apartamento para comprar um ainda melhor, não tem preço. Se você está procurando um apartamento em BH e não sabe por onde começar, leia nosso artigo sobre imóveis na capital: o que é melhor, novo ou usado?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se para receber nossos conteúdos:

Agradecemos sua inscrição!